domingo, 30 de setembro de 2007

Não Sei.

Até quando continuaremos a jogar a responsabilidade de tudo que acontece no mundo nas costas de Deus? Até quando usaremos a dor do outro para exemplificar a "justiça" de Deus?

Como podemos nos chamar de cristãos enquanto somos tão insensíveis ?

Até quando nos apropriaremos de tragédias que atingem a outros para usar como exemplos, ou pra imputar medo ?

Até quando criaremos a imagem um Deus inquisitor, com seu olhar acusador, brincando com a dor das suas criaturas para que o respeite?

Como podemos dizer que Deus é amor, se logo em seguida dizemos que se você não o servi-lo ele ira lhe castigar? Ou que a dor quer outras famílias estão sentindo é porque Deus quer mostrar algo para nós, para que despertemos....

Será que antes de falarmos com "tanta" propriedade do que Deus anda fazendo, perguntamos a Ele?

Ou será que Deus está aprovando as nossas interpretações ? Falar sobre Deus já é algo muito difícil, ou até impossível, quanto mais interpretar o que acontece aqui neste planetinho como "vontades" de Deus.

Muitas vezes a melhor opção é não falar nada, admitir nossa ignorância sobre os mistérios de Deus, admitir que não entendemos porque tragédias acontecem, admitir que não concordamos com a morte trágica, nos revoltar com as desgraças que o próprio homem causa, chorar com aqueles que sentem dor da perda, e quando nos perguntarem porque isso aconteceu, sejamos honestos conosco mesmo e com Deus e digamos a unica resposta lógica :

- Não sei !

quarta-feira, 12 de setembro de 2007

De nada adianta a indignação.....

"Ganho, e ganho bem" disse Renan antes da votação no senado

Do que adianta ficarmos indignados?, nossa indignação não muda nada. Mais uma vez vamos ficar olhando os políticos fazerem o que bem quiserem, ficaremos com cara de otários, vamos reclamar e discutir esse assunto por uns dois dias... Depois vamos continuar tocando nossa "vidinha" e a festa vai continuar no senado, na câmara, em todos os lugares onde a certeza da impunidade é o combustível , e assim ficaremos cada vez mais acostumados com a imoralidade dos representantes da nação, e eles cada vez mais ousados, pensando : "vamos fazer o que desejamos, ninguém irá nos impedir....", esse povinho frouxo é incapaz de qualquer reação, vamos roubar cada vez mais...., que morram nas filas do SUS, que morram de balas perdidas, que morram envolvidos pelo tráfico, que morram de fome, que vejam seus salários serem consumidos pelos impostos que alimentam nossas farras.... Ò povinho frouxo, continuem assim, dóceis e manipuláveis, como maridos acostumados com a traição da sua esposa, já não ligam de servirem de chacota.... País de instituições medíocres, de mentes rasas, de vontade pouca...... Povinho frouxo.... continuem sendo a alegria dos seus "donos", sim porque quem não tem força para lutar pela sua vontade, pelo que é justo, pelo que é ético, já não em vida própria é somente um marionete....Certíssimo é o ditado que diz " cada povo tem o governo que merece..." é a mais pura verdade , somos um povo indolente, e até acho que pela docilidade da manada nossos deputados e senadores roubam pouco, amigos, roubem mais, enganem mais, façam negociatas mais sujas, vendam a nação, posso garantir que ninguém vai reclamar de nada.... aumentem os impostos, não repassem mais dinheiro para a saúde, nem para a segurança já nos acostumamos a traição.... Amigos deputados e senadores deixem de serem tímidos o céu é o limite...
Faz tempo que deixamos de sermos cidadãos, abandonamos o direito de usar esse título..., somos um aglomerado de indivíduos, serviçais dos tiranos que dominam nossa nação... somos covardes e indignos das figuras que lutaram pela liberdade em nosso passado, somos a vergonha dos nosso filhos...

"Vocês que fazem parte dessa massa
que passa pelos projetos do futuro,
é duro tanto ter que caminhar
e dar muito mais que receber,
e ter que demonstrar a sua coragem
a margem do que possa parecer
e ver que toda essa engrenagem
já sente a ferrugem lhe comer
Eee vida de de gado,
povo marcado,
POVO FELIZ........"
Zé Ramalho.