domingo, 26 de dezembro de 2010

Religiões para um mundo melhor.....

Desde que me converti ao cristianismo entendi que a religião tem um papel importante, diria até vital, no mundo. Porém quando olho tanta demonstração de violência e intransigência causada pelo fanatismo religioso fico chocado. 

Em minhas criticas várias vezes coloco o cristão como sujeito que deve se preocupar com o andamento da sociedade, não simplesmente voltada ao moralismo, mas como responsável pela criação de um mundo melhor, um mundo que experimenta a Graça de Deus sobre todo ser. 

Mas para isso é fundamental que desenvolvamos a compaixão. Quando deparei-me com o problema da hermenêutica, isto é, como interpretar o livro sagrado do Cristianismo, percebi que se não tivermos a chave correta, podemos justificar qualquer coisa com base nos textos sagrados...., mas também entendi que, se nos chamamos cristãos é porque seguimos o ensinamento de Cristo, e o seu ensinamento esta fundamentado no AMAR. Jesus resumiu todo o ensinamento das escrituras dizendo que devemos amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos. Esta frase, apoiada no tripé, Deus, Próximo e eu é de uma profundidade teológica, espiritual e psicológica incrível. A partir deste texto é que desenvolvi a chave hermenêutica pela qual interpreto as Escrituras, todos os versículos devem passar por esse crivo, o Amor, a compaixão e a graça de Deus. 

Deixo-vós com a excelente fala de Karen Armstong sobre o que de fato deve ligar as religiões.  Para ligar as legendas, clique em subtitles e escolha Portuguese (Brazil).

Nenhum comentário: