terça-feira, 19 de julho de 2011

O Sagrado, o profano e o Amor de Deus….


Por vezes acho que sou muito crítico com a Igreja, pode parecer que não vejo nada de bom em nosso “sistema” religioso, porém lhes digo não é verdade.
Reconheço que a Igreja tem sim muitas facetas que são de importância vital, não somente no quesito espiritual, mas também no desenvolvimento do ser humano.
Mas se aponto e cutuco as feridas e hipocrisia da religiosidade é porque entendo que a Igreja tem um papel relevante para desempenhar e Ela pode fazer muito mais do que ao que se apresenta.
Quando critico, faço mais visando a liderança míope, que conduz o povo à caminhos tortuosos que demonstram minimamente a verdadeira face do cristianismo. Isso quando erra tentando acertar… 

Leia mais em :

Undergroundassembleiano


Nenhum comentário: