sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Um pedaço de noite em Gaza....

Esta noite realizei uma pequena e diga-se de passagem, insignificante, experiência. Ao deitar-me confortávelmente em minha cama, no escuro do meu quarto, comecei a pensar como estariam as pessoas em Gaza... apesar do fuso horário, procurei imaginar como seria ser um palestino, com sua família ao deitar-se, para tentar, se possível, descansar um pouco... o medo de uma bomba cair por perto, faria abandonar o quarto e fosse dormir com todos da família em outro cômodo da casa que pudesse oferecer mais segurança... mesmo assim o som e o tremor das bombas que caiam não muito distante não possibilitavam o descanso... o clarão dos incêndios, o som de helicópteros, gritos e o som das metralhadoras... o medo que tudo isso chegasse cada vez mais perto... que repentinamente invadissem a casa e executasse a todos... o medo e a angústia tomam conta... por quanto tempo mais isso iria durar? Minha família sairia pelo menos fisicamente ilesa deste horror? Ao levantar pela manhã e ver o resultado de mais uma série de bombardeios teria vontade de chorar.. ruas antes habitadas, com crianças correndo e comerciantes ganhando a vida, agora um monte de escombros, prédios e casas destruídas, estradas com sinais da destruição, parentes e amigos mortos ou desaparecidos... tudo isso seria meu cenário ao amanhecer....

E ainda pensando nisso adormeci, bem alimentado, em minha cama confortável, com uma noite agradável e silênciosa, mas com um profundo desconforto no peito... O máximo que pude fazer depois desses pensamentos foi uma oração e tentar manter a esperança em nossa raça... humana.....


Powered by ScribeFire.

Nenhum comentário: